Charlinho decreta Calamidade Financeira em Itaguaí

Charlinho decreta Calamidade Financeira em Itaguaí
janeiro 11 13:35 2017 Imprimir matéria

Mediante as dificuldades encontradas em Itguaí, o prefeito Carlos Busatto Junior, o Charlinho (PMDB), resolveu decretar Estado de Calamidade Financeira no município. Segundo o prefeito, a dívida ultrapassa os R$ 230 milhões e a medida visa equacionar o grande número de problemas encontrados. Como medidas iniciais, Charlinho determinou o fechamento da prefeitura, até o dia 30 de janeiro. O Estado de Calamidade Financeira será de 180 dias.

Ontem (10), durante o RJTV 2ª Edição, o repórter Ari Peixoto, mostrou o estado de abandono em que se encontra o prédio da prefeitura e a Saúde municipal. O tomógrafo comprado há um ano ainda está encaixotado. O Hospital Municipal São Francisco Xavier tem quatro salas de cirurgia, mas só uma está funcionando.

No entanto, o sinal de maior desperdício está na oficina de costura do município. No final de 2015, a prefeitura anterior fez uma compra de quase 10 toneladas de tecido, pagando R$ 1 milhão.

Os servidores estão com os salários atrasados desde novembro mas os ex-secretários municipais liberaram o pagamento dos próprios vencimentos antes de deixar o governo em dezembro. Um deles foi o ex-secretário de Fazenda, Alexandre Diniz, que assinou as férias dele e recebeu R$ 11 mil. Em outro ato ele também liberou as verbas rescisórias da secretária de Fazenda anterior, Cristiane Diniz, que é mulher dele. No total ela recebeu R$ 43 mil de rendimentos e R$ 12 mil de diferenças salariais.

  Categories:
Veja mais notícias

Autor da matéria

Fabiano Perfil
Fabiano Perfil

Veja mais notícias