DHBF investiga morte de preso em Japeri

DHBF investiga morte de preso em Japeri
junho 30 19:55 2015 Imprimir matéria

A Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense (DHBF) investiga a morte do detento Jefferson Gonçalves Cantalice, de 30 anos, dentro do presídio João Carlos da Silva, no Complexo Penitenciário de Japeri. O preso foi espancado até a morte dentro de uma cela da unidade prisional.

Ainda segundo informações da Polícia Civil, no dia do crime, havia visitas no presídio, por isso todas as celas estavam abertas. Foram os próprios presos que chamaram os inspetores penitenciários para relatar que o rapaz havia sido espancado.

O presídio João Carlos da Silva abriga detentos que cumprem pena no regime fechado e provisórios, e abriga integrantes da maior facção criminosa do Rio. Jefferson estava preso desde julho do ano passado, quando foi capturado em flagrante com um carro roubado. Reconhecido pela vítima do crime em novembro de 2014, o rapaz foi denunciado pelo Ministério Público estadual pelo crime de roubo, e teve a prisão preventiva decretada pela Justiça. O processo corre na 34ª Vara Criminal da capital, mas ainda não há sentença.

Em março deste ano, Jefferson foi condenado a um ano e quatro meses de prisão pelo crime de receptação, em processo da 1ª Vara Criminal de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense. Ele já havia sido absolvido da acusação pelo mesmo crime, em outra ação, que corre na 1ª Vara Criminal de Jacarepaguá. O MP recorreu da decisão. De acordo com a denúncia da promotoria, Jefferson foi flagrado por policiais militares, no dia 2 de maio de 2014, num carro roubado em frente à Gardênia Azul.

Fonte: SEAP

  Categories:
Veja mais notícias

Autor da matéria

Fabiano Perfil
Fabiano Perfil

Veja mais notícias